Core web vitals em 2022

Blog fellyph cintra - core web vitals em 2022 fellyph cintra 1

As Core web vitals são as métricas criadas para medir a performance do seu site conectada com a experiência do usuário. Elas incluem elementos como tempo de carregamento do maior elemento da página, estabilidade visual e tempo de interação.

Primeiro vídeo que gravei no meu canal sobre core web vitals

Quais são as métricas do core web vitals?

Core web vitals possuem três métricas, LCP(Largest contentful paint) utilizada para calcular o tempo de carregamento de uma página. O FID (First Input Delay), mensura a interatividade da página e CLS metrica (Content Layout Shift), avalia a estabilidade do layout de uma página. Entrando em mais detalhes:

Largest Contentful Paint (LCP)

Ou Maior renderização de conteúdo, mede o tempo de carregamento do maior elemento na tela do usuário. Ele pode ser uma imagem, parágrafo, um título ou vídeo. O recomendado é que, o LCP deve ocorrer dentro de 2,5 segundos após o início do carregamento da página.

Pontução relacionada ao LCP do Core web vitals

First Input Delay (FID)

Ou Atraso da primeira entrada, mede a interatividade da sua página. Qual é o atraso na resposta a uma interação do usuário com o seu site. É recomendado que o FID tenha 100 milissegundos ou menos.

Pontução relacionada ao FID do Core web vitals

Cumulative Layout Shift (CLS)

Ou Mudança cumulativa de layout: ninguém gosta de entrar num site e ter os elementos pulando na tela durante o carregamento, A CLS calcula a estabilidade do seu site durante o carregamento. Para fornecer uma boa experiência do usuário, as páginas devem manter um CLS de 0.1. ou menos.

Pontução relacionada ao CLS do Core web vitals

Core web vitals em 2022

Um ponto importante que devemos ter atenção e que as métricas do core web vitals são revisadas anualmente, então é sempre importante ficar de olho. Mas o que mudou desde do seu anúncio, em 2021 as métricas eram somente utilizadas para audiência mobile, em fevereiro de 2022 elas passaram a valer para audiência mobile e desktop, essa atualização ocorreu gradualmente até o dia 3 de março de 2022.

Nos dias 11 e 12 de maio teremos a conferência anual de Google para desenvolvedores, 5 palestras dedicadas ao assunto estão confirmadas na agenda do evento.

Como testar as métricas do core web vitals?

Essas métricas são fundamentais para saber se o seu site está entregando uma boa experiência para seus usuários. Quanto melhor for a performance do seu site nas Core web vitals, maiores serão as chances de conquistar e manter os visitantes. Por isso, é importante monitorar regularmente a sua presença na internet e ter sempre um site que agrade o usuário.

E Quais são as ferramentas que podemos testar os nossos sites:

Pagespeed insights

Da lista compartilhada anteriormente, eu vou falar da minha ferramenta favorita, o PageSpeed Insights (PSI) informa sobre o desempenho de uma página em dispositivos móveis e desktop e fornece sugestões sobre como essa página pode ser aprimorada.

O PageSpeed Insights fornece dados de laboratório e de campo sobre uma página.

  • Os dados de laboratório são úteis para depurar problemas de desempenho, pois são coletados num ambiente controlado. No entanto, pode não capturar gargalos do mundo real.
  • Os dados de campo são úteis para capturar a experiência real do usuário, mas têm um conjunto de métricas mais limitado. Consulte Como pensar nas ferramentas de velocidade para obter mais informações sobre os dois tipos de dados.

Dados de experiência do usuário real

Os dados de campos coletados por usuários reais no PageSpeed Insights são alimentados pelo conjunto de dados do Relatório de experiência do usuário do Chrome (CrUX). O PageSpeed Insights relata as experiências de Primeira Pintura de Conteúdo (FCP), Atraso de Primeira Entrada (FID), Maior Pintura de Conteúdo (LCP) e Mudança de Layout Cumulativo (CLS) durante o período de coleta anterior de 28 dias.

Para mostrar dados de campo, o site precisa ter uma audiência considerável, para possuir dados suficientes para que ela seja incluída no conjunto de dados CrUX. Uma página pode não ter dados suficientes se tiver sido publicada recentemente ou tiver poucas amostras de usuários reais.

Quando isso acontecer, o PageSpeed Insights retornará à granularidade no nível de origem, que abrange todas as experiências do usuário em todas as páginas do site. Às vezes, a origem também pode ter dados insuficientes e, nesse caso, o PSI não poderá mostrar nenhum dado real da experiência do usuário.

Pontuação do PageSpeed Insights

Na parte superior da seção, o PSI fornece uma pontuação que resume o desempenho simulado da página. Essa pontuação é determinada executando o Lighthouse para coletar e analisar informações de diagnóstico sobre a página, incluindo as métricas do core web vitals. Uma pontuação de 90 ou superior é considerada boa. 50 a 90 é uma pontuação que precisa ser aprimorada, e abaixo de 50 é considerada ruim.

Core Web Vitals para WordPress?

Core Web Vitals WordPress, irá funcionar da mesma forma que um site tradicional, ponto de atenção referente a aplicações WordPress por ser uma aplicação que gera conteúdo dinamicamente. Muitos dos fatores que influenciam as métricas do core web vitals estão relacionadas aos elementos do painel de administração do WordPress. Então atenção a performance do WordPress é essencial.

Então fique atento aos seguintes itens:

  • Hospedagem
  • Tema
  • Quantidade de plugins
  • Estrutura de cache

Google Core Web Vitals e SEO

Em 2021, core web vitals tomou a atenção de muitos proprietários de sites, pois, junto com outras métricas chamadas sinais de experiência de página, fizeram parte das regras de posicionamento na busca.

Qualidade do conteúdo ainda é um grande fator essencial para o posicionamento do seu conteúdo na busca. Devemos sempre atender as expectativas dos nossos usuários, com conteúdo que atenda as suas expectativas. Em 2021 as métricas do core web vitals passaram a fazer parte de um critério de desempate se você cria conteúdo para um mercado muito concorrido, Core web vitals pode ser o segredo do seu sucesso para posicionar o seu site nas primeiras posições.

Assim como SEO, performance é uma tarefa recorrente, sempre monitore o conteúdo do seu site e tente identificar áreas onde você pode melhorar a performance do seu site. Assim também melhorando o SEO do seu site já que esses dois itens estão correlacionados.

Além das ferramentas que compartilhei, existem plugins que geram relatórios programados do core web vitals do seu site assim ajudando a encontrar oportunidades sem a necessidade de uma análise manual.

Perguntas frequentes

Agora vou listar algumas perguntas frequentes ajudando usuários na web.

Quando a atualização das métricas Google Web Core vitals começará a afetar o SEO?

As métricas para dispositivos móveis passaram a valer no final de 2021, essa regra foi aplicada de forma gradual entre os meses de julho até novembro. Já para desktop as métricas passaram a fazer parte das regras de rankeamento em fevereiro de 2022

O que é LCP core web vitals?

LCP é uma das métricas mais comuns em perguntas referente ao core web vitals ela representa o maior elemento exibido na tela do usuário durante o carregamento da página. Ela pode ser um parágrafo, título, imagem, vídeo ou até uma tag div com uma imagem de background.

Instalei AMP, mas o meu LCP continua baixo?

AMP ele ajuda no processamento do seu front-end e aplica algumas melhorias no front-end da sua aplicação WordPress, mas ela não tem controle na melhoria do back-end da sua aplicação, assim todas as boas práticas continuam essenciais mesmo utilizando o plugin de AMP.

Como corrigir problema de LCP?

LCP está relacionado ao tempo de resposta da sua aplicação, tempo de renderização de CSS e JavaScript e carregamento de arquivos. Assim confira a qualidade da sua hospedagem, o tamanho das suas imagens, comprima os arquivos CSS e Javascript e utilize cache e pre-carregamento de arquivos.

Por Fellyph Cintra

Fellyph Cintra é um Google Developer Expert focado em tecnologias web, com participação ativa na comunidade WordPress. Com mais de 14 anos de experiência no mercado, Fellyph já palestrou em mais de 30 eventos ao redor do Brasil e Europa, sempre abordando as boas práticas de desenvolvimento na web.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.